pragas

Você sabia que é no verão que as pragas veem com força total para atacar os jardins? A infestação destes insetos causa estragos, podendo atingir diversas espécies e partes da planta, e, em alguns casos, pode levar até a morte do vegetal. Para evitar tragédias no seu jardim, a solução é saber identificar e, principalmente, como proteger. Por isso, preparamos uma série de dicas. Vem ver!

O sinal é o mesmo: as folhas ficam cheias de pontos brancos, que se espalham e vão minando a energia até matar a planta. Para controlar o problema do jeito certo, é super importante saber o que está atacando a planta, se fungo ou pulgão. Entenda essa diferença neste vídeo simples e divertido da jardineira Carol Costa, do site Minhas Plantas.

tempero2

Se na sua região você teve que adiantar o relógio em uma hora, você está oficialmente no horário de verão. Como o dia demora mais para anoitecer você pode aproveitar para fazer mais atividades ao ar livre, como deixar seu jardim ainda mais bonito. Que tal? Preparamos uma lista com 5 tarefas que você pode realizar antes que o sol se ponha. Confira:

tomates_tripes

Cuidar de uma plantinha exige muita dedicação, não é mesmo? Mas também um bom olho para identificar possíveis pragas que estejam prejudicando o desenvolvimento das nossas espécies. Até porque muitos insetos são pequenos, e só perceptíveis quando a planta apresenta os sintomas, como é o caso dos tripes. Se suas plantas apresentam alguns destes sintomas: folhas pálidas, manchadas, com tonalidade bronzeada ou prateada, brotos retorcidos, flores e frutos feios com cicatrizes, você precisa continuar a ler este post.  

pragas

Queridos hortelões, hoje vamos falar sobre como manter as pragas “longe” da horta, de uma maneira orgânica. Falamos “longe” porque dificilmente você terá uma horta completamente sem pragas, se cultivá-la organicamente, porém, mesmo assim, ela poderá ser saudável. Até certo ponto, a planta se desenvolve bem com a presença de algumas pragas, pois elas possuem maneiras próprias de se defenderem, uma dessas maneiras é a produção de substâncias chamadas de metabólitos secundários (óleos essenciais), sem as quais não teríamos os nossos queridos temperos aromáticos. Então, as pragas, assim…

Lesma, pulgão, cochonilha, maria-fedida, caracol… A lista de pragas que atacam nossas plantas é grande e indica que existem desequilíbrios no jardim. Em vez de usar produtos químicos para combatê-las, dê preferência às receitas caseiras, que são menos agressivas e não atingem os chamados insetos benéficos. Neste vídeo exclusivo do Minhas Plantas, nossa jardineira Carol Costa ensina a preparar um detox caseiro contra pulgões e cochonilhas.