Pragas do verão: saiba como proteger seu jardim!

pragas
Share Button

Você sabia que é no verão que as pragas veem com força total para atacar os jardins? A infestação destes insetos causa estragos, podendo atingir diversas espécies e partes da planta, e, em alguns casos, pode levar até a morte do vegetal. Para evitar tragédias no seu jardim, a solução é saber identificar e, principalmente, como proteger. Por isso, preparamos uma série de dicas. Vem ver!

As pragas mais conhecidas são os insetos sugadores, como cochonilhas, pulgões, percevejos e cigarrinhas. As cochonilhas geralmente se instalam sob as folhas, nos ramos e troncos das árvores. Já os pulgões são perigosos por se reproduzirem rapidamente e atingirem principalmente folhas novas e delicadas. A primeira consequência é o aspecto enrolado e amarelo das folhas, depois o atrofiamento da planta.

Outra espécie que suga a seiva das plantas são as cigarrinhas que causam deformações nas folhas. É muito fácil identificar a presença desta praga porque ela deixa uma espuma branca que pode cobrir parte de galhos de árvores e gramados.

Vale lembrar, ainda, dos cupins, formigas e lagartas. O primeiro ataca desde mudas recém-transplantadas até árvores adultas. As formigas também provocam danos consideráveis. Já a presença das lagartas no jardim deve ser controlada, pois quando consomem grande quantidade de alimento, causam desfolhamento da planta. Além de insetos, as plantas ornamentais podem ser atacadas por ácaros e moluscos. Os ácaros provocam manchas bronzeadas, enquanto os moluscos destroem mudas pequenas.

A primeira medida para evitar infestações é ficar de olho para ver se a planta está bem irrigada e recebendo a quantidade adequada de luz, água e adubação. Tome cuidado também com a introdução de plantas novas para evitar possível contaminação. Se você identificar infestação, dê preferência por métodos de tratamento orgânicos, como a calda de fumo. Não se esqueça que a poda de limpeza para retirar partes de plantas infestadas é essencial. Você pode ainda usar joaninhas, tesourinhas e bicho lixeiro para combater as pragas de forma natural. Quando se trata da presença de lesmas, a melhor solução é retirar os moluscos individualmente.

Ficou com alguma dúvida? Deixe sua questão nos comentários.

Fonte:www.jardimdasideias.com.br

Share Button

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>